CS Ecoturismo

» Trekking » RJ

Pico do Cocanha [via Bom Retiro] (Parna Tijuca)

Terceiro ponto mais alto do parque com uma caminhada desafiante

Informações técnicas:

Intermediária / Difícil
Em todo o percurso
Protegido do sol em todo o percurso
2:10
982m

Relate sua experiência:

0 pessoa(s) já foi/foram!

O tempo na região:

Localizado no setor B do Parque Nacional da Tijuca, o Pico do Cocanha é permite que os visitantes tenham uma visão diferenciada do parque. Mesmo possuindo 982 metros de altitude e seja o terceiro ponto mais alto do parque, o pico possui parte de sua visão da cidade encoberta pelos outros picos do parque, como o pico do Bico do Papagaio (989 metros) e o pico da Tijuca (1021 metros). Mas isso não tira a bela vista do local. Muito pelo contrário, fazendo com que o pico tenha como um grande atrativo o seu visual destes outros picos e do resto do parque (como a pedra da Gávea), assim como o seu ângulo de visão de locais como a zona sul da cidade e também da região de Jacarepaguá e da orla do Recreio e parte da Barra da Tijuca.

A trilha possui como ponto de partida o Bom Retiro, mesmo caminho de partida para o pico da Tijuca, pico da Tijuca-Mirim, pico do Bico do Papagaio e outros. Grande parte do caminho será igual ao trajeto realizado para a trilha do Pico do Bico do Papagaio. Aonde, na bifurcação logo nos primeiros minutos de trilha, deve-se seguir para a esquerda, aonde quem vai para a direita, segue para o pico da Tijuca e Tijuca-Mirim.

A trilha é fácil durante todo o seu trajeto, aumentando a inclinação levemente de acordo com o trajeto percorrido. O caminho passa por uma pequena gruta, algumas plantações de bambus e pequenos espaços aonde é possível ter uma visão do parque e da cidade.

Ao seu final, chega-se em uma bifurcação. Para a direita, segue-se para o pico do Bico do Papagaio. Para a esquerda, começa o maior desafio da trilha. Com uma forte inclinação e também com o solo instável, a subida para o Cocanha torna-se um desafio a cada metro percorrido. Após o período de subida, haverá uma pequena descida seguida novamente de outra subida.
Chega-se em uma pedra, que deve ser transposta. Do seu alto, já é possível ter os melhores visuais do pico. O topo localiza-se logo adiante, seguindo por um pequeno caminho existente à direita da rocha.

Após contemplar o visual, é possível retornar e emendar com outras trilhas, como também é possível retornar por outro caminho, em um trajeto conhecido como Cocanha invertido, que passa pela Cova da Onça.

Cocanha
Trilha
Trilha
Topo
Visual
Visual
Visual
Visual
Visual
Visual
Visual
Visual
Visual

O acesso à entrada principal do Parque Nacional da Tijuca é realizada pelo Alto da Boa Vista, ponto divisório entre a rua Boa Vista (com início no Itanhangá) e a av. Edison Passos (com início na Usina, no final da rua Conde de Bonfim).
Após entrar no parque, deve-se seguir pela estrada existente dentro do parque até o Bom Retiro, no final da estrada Major Archer, em um trajeto de 4,1 Km por dentro do parque, em uma constante subida. No caminho pode-se apreciar algumas belezas do parque como: a cachoeira Cascatinha Taunay, fontes para beber água, a capela Mayrink, áreas de piquenique, a sede administrativa do parque e alguns pontos com visual do parque e da cidade.
Para quem vai realizar o caminho a pé (existe uma ciclofaixa durante todo o trajeto), o trajeto pode durar uma hora ou mais. De carro, o percurso por dentro do parque dura, aproximadamente, 20 minutos, aonde existe um estacionamento no local.

De ônibus:

O acesso até a portaria do parque pode ser realizado por ônibus, porém, para chegar ao início da trilha torna-se necessário percorrer a parte por dentro do parque a pé.
No local, passam algumas linhas de ônibus, como:

  • 301 - Rodoviária «» Barra da Tijuca
  • 302 - Rodoviária «» Recreio dos Bandeirantes
  • 345 - Candelária «» Barra da Tijuca

De carro vindo pela Tijuca/Usina

Siga até o final da rua Conde de Bonfim, aonde o fluxo da pista já jogará diretamente na av. Edison Passos. Continue por 4,8 Km e logo a praça estará à direita. Antes da praça, haverá a rua que passa por trás da praça e dá acesso para a portaria do parque. Entre e siga adiante, como explicado acima.

De carro vindo pela estrada de Furnas

Este caminho pode ser utilizado por quem vem por diferentes pontos da zona sul da cidade através dos seus diversos caminhos que acabam dando acesso à estrada de Furnas, como a estrada Redentor, Vista Chinesa, estrada da Pedra Bonita, São Conrado e outros. A partir do início da estrada de Furnas, no Itanhangá, a praça Afonso Viseu fica à esquerda após 5,5 Km. Faça conversão à esquerda na rua que fica logo após a praça para passar por trás dela e ter acesso à portaria do parque. Entre e siga adiante, conforme explicado nos primeiros parágrafos.


Veja o mapa (Google Maps):

Veja também outras informações relacionadas à esta atividade!



Clique aqui para inserir um comentário

Total: 0 comentário(s)

Nenhum comentário encontrado!